Adrenaline: Fonte de informação sobre Tecnologia e Jogos
  • 11 A 14/01
    San Diego
  • 15/01
    Rumo a Los Angeles
  • 16 A 21/01
    Los Angeles
  • 22/01
    Rumo ao Vale do Silício
  • 23 A 29/01
    Vale do Silício
 

Adrenaline on the Road: Tour pela Electronic Arts

22/01/2011 19:31 | | @Adrenaline





Share on Google+

Entre uma parada e outra nas empresas do Vale do Silício, visitamos uma das maiores companhias de jogos eletrônicos do mundo, a Electronic Arts.

Comparada a outras empresas que visitamos, a EA é uma das que chama mais atenção por não ter nenhuma cara de escritório chato cheio de engravatados. A empresa parece o Google das companhias de games. E quando falamos assim, estamos elogiando e muito.

 

Na parte externa do campus, área que reúne os 4 prédios da empresa, não há nenhuma menção a Electronic Arts, nem mesmo um logotipo. A área externa mais parece um parque com muito verde e cheio de árvores. Na tentativa de encontrar um de nossos contatos, nos arriscamos a entrar em um dos edifícios. E foi no lobby que tivemos a primeira surpresa.

Além do logotipo enorme, na mesa da recepção e dos sofás haviam consoles com os jogos mais recentes. O recepcionista do local nos avisou que deveríamos seguir para o prédio principal onde encontrava-se a área de desenvolvimento de jogos. De câmera em punho andamos até o local, mas logo fomos avisados “vocês não podem tirar fotos sem estarem acompanhados por um funcionário da empresa, aqui mantemos sigilo sempre” disse a funcionária que nos indicou o local onde deveríamos esperar.

No hall principal do prédio principal de desenvolvimento há uma cafeteria Starbucks, sofás, muitos postêres, artworks e estátuas de games famosos. O padrão é mantido nos outros prédios da empresa, com restaurante e sala de jogos equipada com máquinas de fliperama, mesa de bilhar, pingue-pongue, Rockband e games de PC multiplayer online. Tudo para que os funcionários não se estressem nunca!


Muitos artworks e estátuas nos arredores da cafeteria
 

Dunk Tank, o local para testar produtos

Avançamos para a segunda recepção e mais uma vez fomos avisados para não tirar fotos. Por sorte nosso guia logo apareceu e nos levou ao Dunk Tank, uma sala dentro da área de desenvolvimento onde é possível testar todos os games. A porta desta sala nos chamou a atenção por ter dois olhos mágicos, um voltado para dentro e outro para fora, tudo para manter o sigilo dos produtores. Dentro do Dunk Tank, nós testamos The Sims: Medieval, BulletStorm, Need for Speed Shift 2 e Dragon Age 2. Em hipótese alguma poderíamos tirar fotos dos testes, mas fizemos algumas entrevistas que devem aparecer em breve.

A segunda parte da nossa visita aos estúdios da EA foi ainda mais especial. O nosso “guia” nos apresentou, uma funcionária da empresa que já trabalha por lá há 18 anos. Ela foi chamada por ser a que faz “os melhores tours”. E assim fomos passear. A primeira parada foi no departamento da EA Sports, lá pudemos entrar na sala de reuniões do presidente da EA Sports, Peter Moore. Só que ao contrário do que se possa imaginar, o local não tem apenas uma mesa longa e redonda e muitas cadeiras em volta. Dentro da sala há uma réplica de um sports bar, que são aqueles bares temáticos de esportes muito comuns nos EUA. Nestes locais os fãs geralmente se reúnem para assistir a diversos esportes e torcer por seus ídolos.

Dentro da sala “Sports Bar” Peter costuma reunir jogadores importantes e fazer reuniões relacionadas ao futuro dos games da empresa. Por lá haviam camisas autográfadas emolduradas, quadros enormes com fotos, dois deles com imagens do Pelé, um deles autográfado. “Peter adora futebol!” revelou nossa guia.

Uma quadra da NBA e um caracol

Além do prédio de desenvolvimento, a Electronic Arts possui um prédio para a parte executiva da empresa que agrega um museu com 20 anos da história da mesma com anúncios antigos, capas de games e um hall da fama dos jogos que venderam mais de meio milhão de unidades (e não se engane, são muitos!).

Dentro deste prédio ainda havia uma moto ducati quebrada usada para promover o clássico de moto e porrada da EA, Road Rash. O dono dessa moto era um funcionário da empresa que sofreu um acidente.

 


Ginásio de esportes, academia e creche. Alguns dos benefícios de se trabalhar na EA.

No terceiro prédio há uma creche para que os funcionários possam deixar seus filhos enquanto trabalham, uma academia de ginástica cheia de aparelhos e instrutores, e quem diria, uma ginásio de esportes poliesportivo com todas as medidas de uma quadra oficial da NBA. Além de poder jogar, este espaço é usado para apresentações da EA Sports e gravação de comerciais de tv com atletas famosos. O nome desse local é Tim’s Room, uma homenagem que a Electronic Arts reservou a Tim Eifert, um fã dos esportes e funcionário da empresa, que faleceu por causa do câncer em 2010.
O último prédio é um auditório para até 600 pessoas, com tela de cinema e som digital, onde são feitas apresentações e exibições de filmes.

Além dos sofás coloridos, das salas de jogos e áreas de descanso, a parte que mais nos chamou atenção estava no jardim do campus. Uma estátua de caracol no meio de um labirinto é a representação maior do espírito da EA. “Esse caracol significa que se não encontramos a solução para um problema logo, precisamos parar e refletir para que tranquilamente encontremos a melhor saída” contou nossa guia. Uma das coisas que temos que frisar aqui é que os funcionários da EA tem um amor e dedicação especial com a empresa e sempre se sentem parte dela, por ser um dos melhores lugares para se trabalhar na indústria dos jogos eletrônicos. E isso felizmente reflete no resultado final de seus games que são aproveitados por gamers de todo o planeta.
 


"Assim como qualquer coisa, as paredes estão sempre em sua mente"

A visita foi muito interessante e estas fotos que ilustram a matéria foram todas tiradas com a permissão dos nossos acompanhantes.


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Adrenaline. Se achar algo que viole nossas condições de uso, denuncie através do link de report de erro do conteúdo.

* Esse é um espaço de troca de conhecimentos e opiniões, use-o para esses propósitos *